sexta-feira, 13 de julho de 2007

Fazendo a Cabeça de um pobre proletário


Eustáquio, o trabalhador é perseguido pelo espírito do capitalismo. Eustáquio é um pobre coitado, lembra algo do Woyzeck de Georg Bückner, não tem amigos, famíla, ninguém...apenas uma pequena planta que lentamente morre desidratada...o espírito do capitalismo se apossa da planta e passa a viver de sua força, sua energia, capacidade para o trabalho...

Um comentário:

Continental Cultural disse...

CARACA VELHÃO, QUE VONTADE DE ESTAR LÁ!!!!

VAMOS INTERCAMBIAR ESSA GAROTADA COM NOSSOS NEURÔNIOS INFLAMADOS DAS ARTES BIÔNICAS QUE VAZAM E SE METAMORFOSEIAM PELOS CORREDORES INERTES DE ESCOLAS...

NOSSA QUE BRISA INDISPENSÁVEL, QUE POÉTICA ALUCINANTE!!!

ADOREI!!! VAMOS TROCAR, DEMORÔ!!!!

DESSE 2011 NÃO PODE PASSAR!!! EU ME PROPONHO A IR ATÉ SUA ESCOLA E VC APARECE DE ESPIRITO CAPITALISTA LÁ NA MINHA... RSRSRSR... DEMAIS!!!

TIAGO ORTAET - MADE IN CABO VERDE EIEA2010